Actoil

Blog Actoil

Voltar

Produção de biodiesel cresceu 28% no primeiro semestre de 2015

03 ago

No Brasil, a produção de biodiesel foi de 1,92 bilhão de litros durante o primeiro semestre deste ano. O volume é o maior da história do setor no país e representa 27, 9% a mais do que o mesmo período de 2014.

A produção brasileira de biodiesel totalizou de 1,92 bilhão de litros ao longo do primeiro semestre do ano. O volume é o maior da história do setor no Brasil e representa 27,9% maior do que nos primeiros seis meses de 2014. Essa, certamente, é uma evolução substancial, mas um tanto decepcionante quando comparada à expectativa de aumento de 40% nas vendas que vinha sendo antecipada pelo mercado desde maio passado quando houve o anúncio oficial de que a mistura obrigatória evoluiria para B7.

Em junho, a produção das usinas de biodiesel foi de 314,7 milhões de litros, segundo a contabilização da ANP. Queda de 7,1% sobre o resultado de maio. Já sobre o mesmo mês de 2014, o crescimento foi de 25,1%.

Um dos motivos para esse crescimento abaixo do esperado certamente é o mau momento para as vendas de óleo diesel no Brasil. Por conta da desaceleração da economia brasileira, já caiu 2,5% no primeiro semestre

No vermelho

Comparando à produção de biodiesel com as vendas de óleo diesel no mercado brasileiro nesse ano, temos um déficit de 38,7 milhões de litros.

Considerando apenas o mês de junho a produção de biodiesel ficou praticamente 21 milhões de litros abaixo do que deveria para cobrir completamente a demanda do mercado do B7. A produção deveria ter sido de 335,8 milhões de litros de biodiesel, já descontado o consumo médio de diesel marítimo do ano que não usa biodiesel.

Biofuga 

É preciso ressaltar, contudo, que há boa chance de que o resultado de junho tenha que ser corrigido para cima. A apuração de BiodieselBR.com mostra que estão faltando os números da produção relativos à Biofuga para o mês.

Na média, a usina gaúcha fabricou 5,9 milhões de litros mensais esse ano. Embora seja preciso ressaltar que nos meses de abril e maio a produção declarada pela empresa foi exatamente a mesma o que pode sinalizar que há outras correções a fazer nos dados oficiais de produção.

Entretanto, mesmo acrescentando o valor médio para a Biofuga, o resultado para junho ainda seria de 320 milhões de litros. Bem abaixo dos 338,8 milhões de litros de maio e também bem abaixo do volume que deveria ter sido produzido para abastecer 100% do mercado.

Fonte: Biodieselbr

Comentários 0